O que melhorou na saúde de Pedreiras ao longo dos 10 primeiros meses da gestão “Honra e Trabalho”? A pergunta era difícil de ser respondida. Silenciosamente, com muita dedicação e cuidado, a equipe do Hospital Geral e Maternidade Municipal de Pedreiras desenvolveu um cronograma de trabalho que mudou a cara daquela unidade.

Durante os dias 04, 05 e 06 de novembro, a equipe da Assessoria de Comunicação (ASCOM), coordenada pela titular da pasta, Katyane Leite, fez um acompanhamento minucioso do cotidiano de profissionais, pacientes, acompanhantes e todos os envolvidos no processo, para constatar como andam os trabalhos desde a marcação de consultas até o atendimento final, priorizando a satisfação do cidadão.

Durante os três dias foram realizados acompanhamentos da equipe da ASCOM em diferentes turnos, buscando melhor entender a dinâmica dos trabalhos. Constatou-se, neste trabalho, que dentro das possibilidades todos os serviços estão sendo desenvolvidos na sua totalidade e com total dedicação de uma equipe dedicada, eficiente e que cumpre suas atribuições com toda a competência, desde a direção até os serviços gerais, obtendo do público todo o reconhecimento do trabalho e dos avanços alcançados nos últimos meses.

A alimentação conta com acompanhamento de profissional nutricionista, que desenvolve um cardápio balanceado e individualizado a cada paciente de acordo com suas necessidades nutricionais; a unidade dispõe de medicamentos e todos os itens de uso do paciente e da equipe em estoque dando total cobertura aos trabalhos; a limpeza mantém o prédio e os serviços de leitos assim como os lençóis e cobertores devidamente dentro dos padrões de higiene e limpeza; todo o trabalho também está sendo realizado da forma mais humanizada possível, buscando prestar o melhor atendimento ao cidadão.

Entretanto, a direção reconhece que os avanços ainda não chegaram ao patamar planejado e que as melhorias são gradativas, mas o objetivo é chegar ao mais alto grau de qualidade no atendimento, nos serviços e nos acompanhamentos em cada especialidade de que dispõe a unidade hospitalar, e que é uma determinação do prefeito Antônio França, que esta evolução seja contínua e que o foco sempre esteja no paciente.

É necessário ressaltar que o Hospital Geral e Maternidade Municipal de Pedreiras atende não só o munícipio de Pedreiras, mas de toda a região e dispõe de vários serviços de emergência, enfermaria, pediatria, obstetrícia, atendimentos de psicólogo, de nutricionista e assistente social, e que mantém uma equipe médica de excelência, assim como enfermeiros e auxiliares de enfermagem competentes e devidamente preparados.

 

A acompanhante de paciente Rosa Ribeiro, de Pedreiras, que acompanha sua irmã, Maria do Socorro, dá uma clara demonstração de como está o hospital. “Estamos aqui há três dias e fomos bem atendidas, estou gostando do atendimento, recebemos uma alimentação de qualidade, onde o acompanhante também recebe o alimento, observamos que a equipe de limpeza do hospital tem feito o seu trabalho e tudo está bem limpo. No meu ponto de vista o Hospital de Pedreiras melhorou muito nesta atual administração”, relatou.

A paciente Maria do Socorro, de Pedreiras, também elogiou. “Não tenho o que reclamar, eu e minha irmã que está me acompanhando estamos sendo bem atendidas. A alimentação e higiene do hospital também são muito boas”, afirmou.

“Estou amando o atendimento. Muito bom. Só estamos precisando de uma estrutura melhor para o nosso hospital, mas fora isso, o atendimento é ótimo”, disse Maria Deusuita, paciente de Pedreiras.

Gilsandra Araújo, moradora de Trizidela do Vale, deu entrada no Hospital Geral de Pedreiras, e teve parto normal. “Para mim o atendimento foi ótimo eu não tenho o que reclamar, a alimentação e higiene também são muito boas, o atendimento aqui está ótimo”, disse ela, feliz com o nascimento de seu bebê saudável e com todo o acompanhamento necessário.

 

Rosangela Carvalho, moradora de Pedreiras, acompanhou seu filho durante atendimento no setor de pediatria do hospital: “Meu filho foi bem assistido, fomos bem recebidos e para mim o atendimento está ótimo. Acredito que estamos precisando de mais recursos para disponibilizar aos profissionais, mais equipamentos para um melhor desenvolvimento dos trabalhos, pois o atendimento está ótimo, mas o hospital necessita de mais equipamentos e aparelhos”, ressaltou.

 

O prefeito Antônio França está fazendo todos os esforços junto à bancada de deputados para alocar recursos e garantir equipamentos hospitalares, além de estar cobrando do Governo do Estado a construção do Hospital Regional de Pedreiras. O prefeito ainda está atrás da construção da base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) já disponível através de emenda parlamentar, além da construção de um novo Hospital Municipal com melhores condições.

Entre os profissionais que atuam no Hospital Geral, o clima também é de satisfação e a consciência de que estão dando o melhor de si para que mais avanços venham a ocorrer.

Maria de Jesus, técnica de enfermagem, trabalha há seis anos na Pediatria do Hospital: “Atendemos uma grande demanda. De segunda a sexta-feira estamos atendendo crianças não só de Pedreiras, mas de outros municípios, sem exceção”, esclarece.

Maria do Amparo trabalha há oito anos no hospital, sendo três meses na Pediatria, e fala da humanização do atendimento. “Temos que estar preparados, pois a mãe que traz seu filho doente vem nervosa, então temos que dar assistência não só a criança, mas a mãe também”, explica.

“O médico tem que ser resolutivo, ter respeito ao paciente e de fato resolver o problema”, enfatizou o médico pediatra e obstetra Samuel Almeida.

Mostrando números, e reiterando a evolução quantitativa e qualitativa da unidade hospitalar, a diretora administrativa do Hospital Geral e Maternidade Municipal de Pedreiras, Elaine Bonfim ainda discorreu sobre as demandas de atendimentos e serviços disponíveis.  “Temos uma demanda mensal de aproximadamente 7 mil atendimentos, fazemos esse acompanhamento através de relatórios com atendimentos da emergência; obstetrícia; pediatria e outros serviços; também como a parte médica, com pediatra, de segunda a sexta-feira; cirurgião geral, que faz procedimentos aos sábados e segundas-feiras; médico clínico; médico do ambulatório e emergência. Temos trabalhado para melhorar a qualidade, e para isso temos realizado reuniões pontuais com toda a equipe do hospital, priorizando a melhoria do atendimento e assistência ao usuário. O prefeito Antônio França tem se empenhado bastante e tem dado um apoio fundamental, está sempre presente fazendo visitas nas salas de atendimentos, aos pacientes internados para saber como estão sendo atendidos. Com relação aos plantões, durante o dia temos médico na pediatria, pela manhã e tarde; obstetra e médico na emergência 24 horas por dia; e o clínico geral que faz a prescrição médica e visita diária. Sábado e segunda temos o cirurgião, e também contamos com o atendimento da assistente social que faz o acompanhamento dos pacientes internos, regulação de leitos, e também atende as pessoas externas que não estão hospitalizadas, mas que procuram o atendimento na área da assistência social. Temos uma psicóloga durante a tarde; a nutricionista que acompanha os pacientes para a regularização da dieta dos mesmos, e de acordo com o que ela receitar, será feita a alimentação para o usuário. O Hospital Geral de Pedreiras é polo uma referência para os municípios vizinhos, então atendemos não só os pedreirenses, mas pessoas de outros municípios, pois não negamos atendimento e atendemos sem exceção, aqui o atendimento é para todos”, pontuou a diretora.

Após os três dias de acompanhamento, a equipe da ASCOM constata, finalmente, que as melhorias estão acontecendo e já estão visíveis aos olhos da sociedade. A satisfação dos pacientes e acompanhantes comprovam. As críticas que surgiram dizem respeito à estrutura física e equipamentos, cuja atual gestão já fez relevantes melhoras, e está trabalhando no sentido de proporcionar ao cidadão pedreirense, e aos demais de toda a região, que utilizam os serviços do Hospital Geral, um serviço de qualidade, uma estrutura condizente, para proporcionar uma saúde de excelência, a curto prazo, pois todos os esforços da administração estão voltados nesta perspectiva.

 

Login