Get Adobe Flash player

Um total de 25 agricultores familiares recebeu certificado do curso Negócio Certo Rural, nesta quinta-feira (13/06), em solenidade realizada na comunidade de Marianópolis, pela Prefeitura de Pedreiras/Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca, em parceria com o Serviço Nacional de Apoio Às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE-MA) e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR).

Realizado no período de maio a julho do ano passado, o curso Negócio Certo Rural, os agricultores da comunidade tiveram a oportunidade de aprender a desenvolver um Plano de Negócios.

O curso apresenta conceitos de empreendedorismo, planejamento e administração e contém atividades que ajudam a criar um Plano de Negócio bem estruturado, que contribui para a melhoria da gestão da propriedade rural e planejamento de novas oportunidades de negócios.

Esta já é a certificação da segunda turma formada no curso, cujo objetivo principal é capacitar e incentivar o homem do campo a montar o seu próprio negócio, nas áreas de agricultura, agroindústria, pecuária, pesca, dentre outros.

As aulas foram realizadas na própria comunidade, facilitando a vida dos beneficiados. O curso teve duração de dois meses, sendo realizada uma aula por semana, com aulas teóricas, práticas e consultorias.

Para a gerente Regional do Sebrae, Cecília Salata o agricultor familiar precisa ver sua atividade como um negócio, que precisa ser eficiente e dar lucro. “Quando nós repassamos este conhecimento aos trabalhadores rurais, o nosso objetivo maior é que eles percebam a produção rural como um negócio”, afirma.

Francijane de Lima, de 27 anos, mora desde criança na comunidade de Marianópolis e fala desta oportunidade. “O curso foi muito importante para mim, pois às vezes a gente sabe das coisas, mas falta alguns conhecimentos. Foi muito bom participar e sempre que tiver um curso eu quero fazer”, disse.

Ezequias da Conceição disse que aprendeu muito. “A gente trabalhava na informalidade eo que fazia ficava no esquecimento, então o curso nos deu a visão de que tudo o que fazemos precisa ser colocado em planilha, para sabermos dos nossos ganhos, tudo na ponta do lápis, produzir e administrar o que fazemos”, ressaltou o agricultor.

Também participaram da solenidade o secretário Municipal de Agricultura, Didi Motos; o engenheiro agrônomo, Rodrigo Coutinho; o vereador Gard Furtado; e o diretor técnico do SENAR, Carlos Antônio Feitosa.

Assim é o Negócio Certo Rural, capacitando o homem do campo, ensinando a melhorar o planejamento e a venda de sua produção, fazendo com que o pequeno produtor entenda como obter lucro com seu trabalho. É a gestão Honra e Trabalho capacitando e melhorando a vida daqueles que fazem a agricultura familiar.

 

 

 

Login